Autor Tópico: Limpar Superfícies Ópticas  (Lida 7606 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline João Clérigo

  • Administrador
  • Astro-Avançado
  • *****
  • Mensagens: 1690
  • Karma: +1/-0
  • Sexo: Masculino
    • Ver Perfil
Limpar Superfícies Ópticas
« em: Maio 07, 2006, 10:02:28 pm »
[Rev.1.1 de 2006-05-08]

Sempre, mas só sempre que necessário, é que se deve proceder à limpeza das superfícies ópticas dos instrumentos, e só quando a camada de pó comece a fazer notar que a prestação óptica do aparelho está a diminuir.

A razão pela qual se deve evitar efectuar este tipo de limpezas, é que porque cada vez que se inicia este procedimento, estaremos a por em rico a qualidade original da superfície logo à partida em dois pontos: 1 - por cada limpeza estaremos a degradar as camadas de protecção; 2 - há sempre o risco acrescido de poder haver um descuido e danificar a superfície óptica.

Pequenas Superfícies
Para limpar as superfícies ópticas de pequenas superfícies ópticas, como as de oculares, lentes barlow, espelhos secundários, binóculos e pequenos refractores até 120mm, temos hoje em dia trabalho mais facilitado graças às Lenspen. A Lenspen não é nada mais, nada menos do que uma caneta com duas pontas distintas, de um dos lados tem um pincel suave, do outro uma borracha com um feltro especial que tem um composto baseado em carbono não líquido. O processo de limpeza é simples quando usado em conjunto com uma pêra de sopro.

Primeiro, deve-se soprar os com a pêra, para remover os detritos soltos. De seguida deve-se escovar com o pincel da Lenspen para arrancar as poeiras que estejam mais agarradas. Soprar de novo. Devemos repetir este processo quantas vezes for necessário até que não hajam detritos visíveis.

Agora, rodamos a tampa da Lenspen que protege a borracha uma ou duas vezes. Tiramos a tampa e vamos usar a borracha. Deve-se sempre começar a limpar desde o centro para as extremidades e em movimentos circulares. Quando notarmos que a borracha já não surte efeito a limpar, coloca-se a tampa de novo (sopra-se com a pêra) roda-se de novo mais uma ou duas vezes e voltamos a aplicar a borracha na lente, novamente desde o centro para as extremidades.

No fim, poderão sempre restar pequenos detritos negros, deixados pela Lenspen, resultado do próprio sistema de limpeza se basear carbono, que se removem com uma rápida sopradela com a pêra de sopro.


Grandes Superfícies
Para limpar espelhos primários ou pratos correctores acima dos 120mm, o uso da Lenspen deixa de ser prático e é um pouco (e rapidamente danificará a Lenspen), excepto se pretendermos limpar uma pequena porção de toda a superfície. Assim, a técnica de limpeza passa a ser diferente.

Antes de começar-mos é bom lembrar que para limpar um espelho ou um prato corrector, se possível deveremos faze-lo sempre com a peça retirada do próprio telescópio, para que o manuseamento seja mais fácil e seguro. Prepare uma bancada de trabalho (numa cozinha por ex.) e coloque uma toalha (de preferência que não deite nem pelos nem pó) para servir de assento macio para o espelho se for o caso. O uso de luvas de borracha (daquelas tipo médico ou C.S.I.) é também um acessório indispensável para os toques acidentais na superfície (assim não ficam lá as impressões digitais).

A primeira parte do processo começa sempre como o das lentes usar uma pêra de sopro em conjunto com um pincel para retirar os detritos maiores. De seguida vamos ao banho.

Depois do primeiro processo de remoção de detritos, vamos agora passar com o espelho por água corrente, deixe o fluxo de água correr directamente em cima do espelho à vontade em toda a superfície durante uns minutos.

Agora vamos usar algodão embebido em álcool comum desnaturado e diluído a cerca de 50% em água destilada (nunca deite estes líquidos directamente sobre lentes ou espelhos, use-os sempre embebidos de preferência em algodão).

Se não quiser usar álcool, pode usar simplesmente a água destilada, mas poderá não atingir os níveis de limpeza desejados. Assim, utilizando o algodão, limpe com movimentos circulares desde o centro para o bordo. Pode em alternativa usar um pano, mas, certifique-se sempre de que o pano está sempre muito bem limpo e sem qualquer outro tipo de impurezas abrasivas, que se na presença destas, poderá danificar a óptica permanentemente.

Nunca use o mesmo pedaço de algodão (ou pano) após cada passagem na superfície óptica. Depois de cada passagem com o pedaço de algodão, este pode acumular algumas impurezas, que durante a segunda passagem poderia riscar a superfície óptica. Por isso o uso do algodão de maquilhagem é o melhor porque já vem em discos separados que são fáceis de descartar.

Se usou o álcool verá que o processo de secagem será muito rápido, mas se quiser efectuar uma secagem ainda rápida poderá usar um secador, colocado na função de frio.

Para melhor limpeza e manutenção do seu equipamento, refira-se sempre, se possível, pelas indicações dos manuais dos equipamentos.
« Última modificação: Maio 08, 2006, 12:12:52 pm por jaclerigo »


Cumprimentos,
João Clérigo

Offline PauloSantos

  • Grupo Galáctico
  • Astro-Avançado
  • *****
  • Mensagens: 1541
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
(sem assunto)
« Responder #1 em: Maio 08, 2006, 12:36:49 am »
Pois... já devia ter lido isto há 15 dias atrás :?
Não procedi da melhor forma e limpei com a lenspen e depois com algodão embebido em alcool etílico e água :roll:
Santa ignorância!
Espe tópico é um must aqui no forum.
Obrigado pelo suporte jaclerigo.
Cumps :wink:
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por PauloSantos »
Paços de Brandão/Stª Mª Feira

Latitude 40º 58\' 01"
Longitude -8º 34\' 59"
Altura 138m

Offline Tiago Dias

  • Astro-Curioso
  • **
  • Mensagens: 166
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
(sem assunto)
« Responder #2 em: Junho 16, 2006, 08:38:08 pm »
Ainda não tenho telescópio, mas concerteza quando o comprar e efectuar  a limpeza, tomarei imensa atenção aqui ao texto. Pois para mim o telescópio é como um carro para mim. Temde ser muito bem cuidado. E ainda por cima quando a máquina é do agrado do dono. :wink:
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Tiago Dias »

Offline Iridium

  • Astro-Curioso
  • **
  • Mensagens: 84
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
(sem assunto)
« Responder #3 em: Setembro 28, 2006, 04:36:44 pm »
Estranho.. Durante todo o tempo que tenho frequentado o forum, nunca reparei neste tópico.. Devo estar a precisar de  8)
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Iridium »
Espaço...
A ultima fronteira...

º

Anonymous

  • Visitante
(sem assunto)
« Responder #4 em: Outubro 11, 2006, 05:52:19 pm »
Eu limpei as lentes do meu binóculo com água agora tá embaciado como uma noite de novoiro cerrado!!

Céus Limpos
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Anonymous »

Offline sara

  • Astro-Curioso
  • **
  • Mensagens: 81
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
(sem assunto)
« Responder #5 em: Outubro 11, 2006, 07:18:56 pm »
Citação de: "Iridium"
Estranho.. Durante todo o tempo que tenho frequentado o forum, nunca reparei neste tópico.. Devo estar a precisar de  8)


por acaso também reparei nisso :)
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por sara »

Offline PauloSantos

  • Grupo Galáctico
  • Astro-Avançado
  • *****
  • Mensagens: 1541
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
(sem assunto)
« Responder #6 em: Outubro 11, 2006, 07:19:03 pm »
Citação de: "Orion"
Eu limpei as lentes do meu binóculo com água agora tá embaciado como uma noite de novoiro cerrado!!

Céus Limpos

Limpar uns binos com água? :?
Claro q agora está com humidade... A menos q tivesses desmontado os binos e tirado as lentes.
Foi neste sentido q este tópico foi criado. Precisamente p não cairem na negligente tentação de limpar as superficies ópticas e pôr em risco a sua performance...
Cumps
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por PauloSantos »
Paços de Brandão/Stª Mª Feira

Latitude 40º 58\' 01"
Longitude -8º 34\' 59"
Altura 138m

Offline joaorrpinto

  • Astro-Amador
  • ****
  • Mensagens: 522
  • Karma: +0/-0
  • Sexo: Masculino
    • Ver Perfil
    • Astrofotografia & Fotografia
(sem assunto)
« Responder #7 em: Outubro 11, 2006, 09:29:39 pm »
Citar
Eu limpei as lentes do meu binóculo com água

LOOL...não és o único :mrgreen:
A minha história foi com os óculos...Em vez de os lavar com sabão macaco (sabão azul) fui limpa-los com detergente...lool...conclusão, 150€ em lentes novas...A partir dai comecei a ser anti-detergente...loool.... :evil:

Cumps
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por rapidix »
Castelo Branco - Penamacor
Latitude:40.167
Longitude:-7.167
Altitude:494 m


Offline joao marum

  • Astro-Principiante
  • ***
  • Mensagens: 388
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
(sem assunto)
« Responder #8 em: Outubro 17, 2006, 08:56:48 pm »
Eu tenho um método ligeiramente diferente que me tem dado bons resultados com o meu espelho primário.
Em primeiro lugar, coloco o espelho primário debaixo da torneira para retirar  a poeira solta. Depois, arranjo uma bacia bem grande, coloco lá o espelho e vou deitando água destilada até o espelho ficar submerso. Depois deito algum sonasol ( detergente da loiça) na água, misturo bem agitando a água com a mão e deixo ficar de molho cerca de uma hora.
Depois, em vez de algodão, uso a polpa dos meus dedos ( aprendi esta no livro "telescopios" do Guilherme de almeida. Assim, consigo sentir bem a pressão que estou a exercer, alem de sentir quando a área fica limpa, pois fica lisa em vez de rugosa com a sujidade agarrada. Vou passando com o dedo e agitando-o na água frequentemente para retirar algumas particulas que tenham ficado agarradas. Depois disto feito, retiro o espelho do banho, ponho-o na vertical e deixo água destilada correr por cima. No fim, com o espelho ainda na vertical, deixo álcool isopropílico correr por cima. Fica impecável.
Limpa bastante bem e não deixa riscos se fôr feito desta maneira. Limpo-o uma vez por ano em média e até agora sem problemas.
De qualquer modo, o truque é manter o espelho sempre protegido quando não está em uso. E muito importante tambem: NUNCA, mas mesmo NUNCA usem uma lanterna à noite para ver se o espelho está sujo. Vai parecer sempre imundo. Se o espelho vos parece limpo ou pouco sujo a olho nu quando olham pra ele durante o dia, então deixem-no estar sossegadinho  :D
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por joao marum »
------------------
João Marum
GOAAA

Offline juanpe

  • Astro-Novato
  • *
  • Mensagens: 1
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
Re: Limpar Superfícies Ópticas
« Responder #9 em: Outubro 17, 2008, 09:06:33 am »
J clerigo
a descriçao que fizeste da limpeza de grandes superficies opticas, do banho, nao se pode aplicar a um prato corrector de un C8? Que fazemos com o espelho secundario.
Quero dizer, tambem na limpeza de un Schmith cassegrain devemos desmontar o prato corrector.
Sabes de algum video, estilo tutorial donde se demonstre como fazer.
Tenho medo de limpar o prato corrector... levo dois anos para fazerlo, mas ainda nao tive coragem.
Outra coisa, que nao tenho clara é o criterio de sujidade. Até quer ponto tenho o prato corrector sujo  e a necesitar de ser limpo.
ai... dilemas, dilemas...
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »

Offline João Clérigo

  • Administrador
  • Astro-Avançado
  • *****
  • Mensagens: 1690
  • Karma: +1/-0
  • Sexo: Masculino
    • Ver Perfil
Re: Limpar Superfícies Ópticas
« Responder #10 em: Outubro 17, 2008, 10:30:33 am »
Boas,

podes usar tal e qual o mesmo processo que se usa para um espelho primário.
Há que ter sempre o cuidado de marcar a posição original do prato com um marcador.
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »
Cumprimentos,
João Clérigo

Offline Fil

  • Moderador Global
  • Astro-Avançado
  • *****
  • Mensagens: 2621
  • Karma: +5/-0
    • Ver Perfil
Re: Limpar Superfícies Ópticas
« Responder #11 em: Outubro 17, 2008, 12:09:34 pm »
Já vi qualquer coisa sobre isso, mas acho que foi a propósito da limpeza de uma Câmara de Schmidt.. Vai dar ao mesmo. (Aqui fica: remover a placa correctora, e dar banho a um sobrevivente a um incêndio. O link geral é este.)
Mas também se faz. Penso que há uns anéis de cortiça, que convém não perder.. Salvo erro o Astrolupa já se meteu num trabalho desses com o Schmidt-Newtonian dele.
Quanto a critérios de sugidade, no caso da placa correctora, penso que também se pode usar o facto de começar a embaciar muito cedo.. A porcaria tem tendência para fazer condensar a água mais facilmente, e isso pode ser um motivo para limpar.. Mas um para-sol também ajuda a prevenir sujidade, condensação e até mesmo que luz parasita ilumine a sujidade que houver! Em termos de opacidade da sujidade não costuma haver grande problema.. A chatice maior é sujidade iluminada :)
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »
Fil.
GOAAA

Offline Carlos Capela

  • Astro-Curioso
  • **
  • Mensagens: 92
  • Karma: +0/-0
  • Sexo: Masculino
    • Ver Perfil
    • Observações Nocturnas
Re: Limpar Superfícies Ópticas
« Responder #12 em: Julho 21, 2009, 05:44:19 pm »
Digam-me se fiz bem ou corrijam-me o que fiz mal.
Ontem, a meio da observação, reparei que a objectiva estava toda húmida. Ia passar o pano, daqueles absorventes, que veio com o telescópio, mas depois optei apenas por encostar o pano para não "esfregar".
Quando cheguei a casa, questionei-me se teria feito bem, até porque detectei vários "pelinhos" do pano na objectiva.
Além disso, o telescópio tinha pequenas gotinhas de água.

Como não sabia ao certo como limpar, optei por deixá-lo secar, destapando a objectiva e deixando tudo ao "ar livre".

Fiz bem? Qual é a melhor maneira de evitar a condensação da água no telescópio?
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »
Carlos Capela
<a href=\"mailto:carloscapela@vorsat.org\">carloscapela@vorsat.org</a>
91 646 40 11
http://observacoesnocturnas.blogspot.com

Offline Fil

  • Moderador Global
  • Astro-Avançado
  • *****
  • Mensagens: 2621
  • Karma: +5/-0
    • Ver Perfil
Re: Limpar Superfícies Ópticas
« Responder #13 em: Julho 21, 2009, 06:03:39 pm »
Pois... Não é o tratamento melhor a dar.
O ideal é:
- não usar nada que deixe pelos :P
- e não limpar de todo! :)
- deixar evaporar mantendo o tubo destapado num ambiente mais seco do que onde ele estava, ou fazendo passar uma corrente de ar por lá (leva tempo, por isso o melhor é uma ventoinha não muito forte (porque não se quer encher um vidro húmido de pó))
- em lentes, evitar que a condensação chegue ao ponto de começar a escorrer, porque isso pode fazer com que a água escorra "lá para dentro".. E se a água chega ao espaço ínfimo entre duas lentes de um grupo de duas lentes, um fenómeno de capilaridade encarrega-se de estragar tudo e espalhar o líquido por entre os dois elementos onde não se consegue tirar sem desmontar tudo..
- depois de seco, se realmente a objectiva estiver completamente porca, suja, imunda, e quase opaca, então só nesse caso é que se limpa ;)
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »
Fil.
GOAAA

Offline Astrolupa

  • Grupo Galáctico
  • Astro-Amador
  • *****
  • Mensagens: 998
  • Karma: +2/-0
    • Ver Perfil
    • http://www.astrosurf.com/nviegas
Re: Limpar Superfícies Ópticas
« Responder #14 em: Julho 21, 2009, 06:11:43 pm »
Citação de: "Carlos Capela"
(...) Fiz bem? Qual é a melhor maneira de evitar a condensação da água no telescópio?
A melhor maneira? É investir num sistema de aquecimento das ópticas e oculares (usando as respectivas fitas aquecedoras) como este que a Galáctica tem à venda, ou, no mínimo, um "pára-sol/humidade" que proporciona um pouco mais de protecção do que nada e em alguns casos de humidade menos severa é suficiente para que a humidade não se deposite nos elementos ópticos.

..E claro, mantendo o que o Mr. Fil disse!  ;-)
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »
Cumprimentos,
Nelson Viegas
GOAAA

Tags: