Sistema Solar > Secção Planetária

Vénus, um planeta lento em marcha atrás!

(1/1)

PauloSantos:


O 2º planeta do Sistema Solar e o objecto mais brilhante no céu depois do Sol e da Lua,  tem uma rotação mt lenta (243 dias terrestres), 18 dias mais do q demora a girar à volta do Sol. Não gira de Oeste p Este como o resto dos planetas mas sim ao contrário. Este efeito retrógrado e lento exerce efeitos significativos no calendário venusiano. Se um observador estivesse neste planeta veria o Sol nascer a Oeste e a pôr-se a Este 59 dias mais tarde. O motivo deste movimento contrário não está porém encontrado mas é possivel q tenha sido originado por uma colisão com um cometa ou asteróide.
A principal característica deste planeta é o facto de se encontrar coberto por nuvens q nunca se dissipam e cobrem completamente a sua superfície. A atmosfera superior chega a girar a cada 4 dias, mt mais rápido do q os ventos suaves da superfície.
Vénus é um verdadeiro inferno. Apesar de estar mais distante do Sol q Mercúrio, a sua temperatura à superfície chega a atingir os 470ºC (contra os 430ºC de Mercúrio). O suficiente p fundir o chumbo e o zinco.
A razão deste facto resulta da atmosfera de dióxido de carbono, uma camada tão densa q a pressão na superfície do planeta é quase 100 vezes superior à da Terra. Esta camada acumula o calor solar provocando um efeito de estufa extremo.

Características:

Origem do nome: (nome grego Afrodite), deusa da beleza e do amor: a beleza do planeta observado ao amanhecer ou ao entardecer pode ter sugerido esse nome.
Diâmetro: 12.104 Km
Massa: 0,82 massas terrestres
Período de rotação: 243 dias terrestres (retrógrados)
Obliquidade do equador: 177,4 graus
Velocidade média orbital: 35 km/s
Distância média do Sol: 108 milhões de Kms

dcpc:
E é bastante fácil de o localizar, apartir da Terra, sem ter de recorrer a um mapa celeste. Vénus pode ser observado muitas vezes à direita e outras vezes à esquerda do Sol, devido ao seu movimento de transalação (depende da época em que o observamos). Durante parte do ano é visível ao fim da tarde, pelo que muitos o chamam (ao planeta) de "estrela da tarde", logo a seguir ao pôr-do-sol,e mais ou menos da direcção deste. Durante outra parte do ano, é visível de madrugada, e pela mesma razão há quem o chame "estrela da manhã", antes do nascer do Sol e mais ou menos na direcção deste também! :geek:

salprata:
Boas....

Ontem... a observar Vénus por volta das 19h00, (tb pela primeira vez) reparei que a imagem tem pouco recorte, muita luz, provavelmente normal, deu para reparar na "meia lua", mas em comparação com Júpiter,com  muito mais recorte, vistos com uma ocular de 10mm... existe algum filtro para a observação de Vénus, de forma que se perceba o limite do planeta, ou terei que esperar por outra altura do ano/dia ?
dados do telescópio, dfocal 1200 f.7
 
:sunny:
Laura

Miguel Lopes:
A noite tem de estar com pouca turbulência.
Para ver detalhes nas núvens é que é mais complicado: é preciso um telescópio grande, uma noite excepcional e uma webcam com filtro UV...

Rui:
Um truque para ver Vénus é observá-la durante o dia.
Se se tiver uma montagem equatorial bem alinhada, não é muito difícil. Ou rntão usa-se a sua posição relativamente à Lua quando esta passa perto de Vénus.
O brilho do planeta é suficiente para se ver bem durante o dia e o contraste não é tão acentuado como quando de observa após o pôr do Sol.

Navegação

[0] Índice de mensagens

Ir para versão completa